Ministros de Comércio do Mercosul criam mecanismo para incentivar intercâmbio | Export News

via Export News

Novo momento do Mercosul é celebrado pelos ministros durante o encontro; iniciativa partiu de Marcos Pereira

Foi realizada, nesta quarta-feira, em Buenos Aires, a primeira reunião do Conselho de Ministros da Indústria, Comércio e Serviços do Mercosul. O novo mecanismo de diálogo servirá para incentivar as trocas comerciais entre os parceiros do bloco e facilitar as discussões sobre assuntos estratégicos, como o futuro do Mercosul, novas tecnologias, Indústria 4.0, aprofundamento da integração comercial na região e com países fora do bloco, além de medidas para promover os investimentos, a inovação, o empreendedorismo, a produção, o emprego e a internacionalização das pequenas e médias empresas.

A primeira reunião do novo Conselho teve a participação do ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços do Brasil, Marcos Pereira; da ministra da Indústria, Energia e Mineração do Uruguai, Carolina Cosse; do ministro da Indústria e Comércio do Paraguai, Gustavo Leite; e do ministro da Produção da Argentina, Francisco Cabrera.Segundo Marcos Pereira, o espírito é colaborar, inclusive integrando outros ministérios de cada país para que haja maior avanço nos temas em discussão. O bloco vive um novo momento desde sua fundação, há 25 anos.

As reuniões do Conselho de Ministros de Comércio do Mercosul serão realizadas duas vezes por ano nos países que exercerem a presidência temporária. O próximo encontro está marcado para junho deste ano, em Buenos Aires.Durante a entrevista coletiva realizada após o encontro, o ministro Francisco Cabrera destacou que a ideia de criar o Conselho foi do ministro Marcos Pereira e enfatizou a importância das discussões para fortalecer o Mercosul. A proposta de criar o Conselho partiu de conversas do ministro Marcos Pereira com suas contrapartes durante eventos internacionais, como o Fórum Econômico Mundial, em Davos

Intercâmbio comercial

Em 2017 (janeiro e fevereiro) as exportações brasileiras para o Mercosul (US$ 3, 214 bilhões) cresceram 20,7% sobre igual período de 2016. As importações do Brasil do Mercosul, neste início de 2017, também têm registrado crescimento. Em janeiro e fevereiro, as compras externas brasileiras dos países do bloco subiram 19,3%

Em 2016, as exportações brasileiras para os países do bloco foram de US$ 19,658 bilhões e as importações chegaram a US$ 12,007 bilhões, com superávit de US$ 7,651 bilhões para o Brasil. No mesmo período, as vendas externas do Brasil para o Mercosul foram compostas, principalmente, de produtos manufaturados (84%). Os básicos representaram 13% e os semimanufaturados, 2,8%. As importações brasileiras do Mercosul foram, no ano passado, 70,4% de produtos manufaturados, 26,6% de básicos e 2,9% de semimanufaturados.Assessoria de Comunicação Social do MDIC

Fonte: Ministros de Comércio do Mercosul criam mecanismo para incentivar intercâmbio | Export News

%d blogueiros gostam disto: